22 de dezembro de 2014 - 2:07 AM
Destaques

Beneficios da pimenta malagueta

Benefícios da pimenta malagueta. Você gosta de uma pimentinha? Se a resposta for sim, você sabia que além de temperar pratos quentes e frios, a pimenta pode também ser uma grande aliada da sua saúde? Estudos comprovam que a pimenta malagueta pode ajudar a prevenir doenças além de auxiliar no tratamento de doenças cardíacas, respiratórias, do sistema circulatório, alguns tipos de câncer, além de ter propriedades anti-inflamatórias, expectorante, descongestionante, anti-bacteriana e antioxidante.

Até mesmo uma doença, que sempre foi ligada ao uso da pimenta, a hemorróida, pode ser tratada com remédios naturais a base dessa frutinha. Ao contrário do que se pensava antes, a pimenta, por ter poder cicatrizante, ajuda na melhora dessa doença. Médicos homeopáticos indicam o tratamento a base de pimenta principalmente para pacientes que apresentam crises crônica de enxaqueca. Suas propriedades  vasodilatadoras, relaxam e agem como uma aspirina natural, fazendo com que o alívio seja quase instantâneo. Essas propriedades vasodilatadoras podem ajudar também em um problema que afeta os homens, a disfunção erétil, já que a pimenta é também um estimulante natural.

Estudos também comprovam que, pacientes debilitados por infecções bacterianas apresentaram melhoras após a introdução do alimento em sua dieta. Pacientes com hipertensão também demonstraram melhoras significativas no quadro clínico, após  ingestão diária da pimenta, alguns puderam até diminuir a quantidade de remédios diaários. A pimenta malagueta também auxilia na prevenção e tratamento de gripes e resfriados, pois suas propriedades ajudam a baixar as febres e diminuir a dor no corpo, causada por essas doenças. Por essas razões, muitos afirmam que o consumo diário de apenas 1 pimenta é suficiente para prevenir várias doenças.

Um comentário

  1. Eduardo dos Santos Martins

    Olha, acho que a pimenta é muito mais que isso. Eu a descobri como fruto milagroso muito por acaso, quando já não tinha mais esperanças para debelar as minhas dores articulares, cefaleias e gastrites (em razão dos antinflamatórios), além de que nenhum remédio me trouxe qualquer resultado para a disfunção erétil decorrente de uma prostatectomia. Usando uma bengala para me locomover, e já havendo desistido dos antinflamatórios, comecei a comer tudo que gostava e que sempre me privei por achar que fazia mal. E foi aí que entrou a pimenta, em altas doses, como sempre desejei e crente que não podia. E como por encanto, todas as dores, inchaços, gastrite e disfunção desapareceram. Custou acreditar, mas depois que parei de a consumir por dez dias para ter certeza, tudo começou a voltar. Acredite quem quiser. Consumo de 4 a 6 jalapenhos grelhados com azeite de oliva por dia. Obs.: Causa sono e é portanto, excelente contra a insônia.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

Scroll To Top